Prêmios, Projetos e Destaques Acadêmicos

Imagem de uma das entradas da PUC-RIO pela Rua Marquês de São Vicebte
Voltar
 


Seção: Prêmios  

Sol para todos


Desenvolvido por mestrando da Engenharia Mecânica, equipamento inédito e revolucionário na área de energia solar pode beneficiar regiões com baixo acesso à rede elétrica

 

Com o protótipo de um isoconcentrador de aço inox e alumínio, cuja curvatura - específica e única - aumenta a corrente contínua em até oito vezes e  amplia a potência das placas solares em 300%, o aluno de mestrado em Engenharia Mecânica Hugo Francisco Lisboa Santos conquistou a primeira colocação no 6º Prêmio Caixa de Projetos Inovadores com Aplicabilidade na Indústria Metalúrgica, Mecânica, Eletrônica, Materiais Elétricos e Construção Civil.

 

Não era pra menos: além dos potenciais benefícios a milhões de brasileiros que vivem em locais de acesso mais do que deficiente à eletricidade, o equipamento é 60% mais barato do que as células fotovoltaicas convencionais montadas em painéis de 1m².

 

Em sua pesquisa, Hugo Santos buscava fontes alternativas para a geração elétrica. Ao utilizar um concentrador em formato cilíndrico para direcionar os raios solares para uma placa solar convencional, percebeu que alguns trechos da placa recebiam mais energia que outros, e buscou uma solução que fizesse disso o grande diferencial de seu equipamento. Como mencionado, o equipamento foi desenvolvido com uma curvatura característica, capaz de proporcionar uma distribuição luminosa absolutamente uniforme sobre as placas solares, resolvendo um problema comum nos concentradores fotovoltaicos construídos até agora.

 

Concentradores fotovoltaicos são dispositivos relativamente pouco utilizados atualmente e a proposta do aluno é mudar esta realidade. Seu equipamento tem aplicabilidade em lugares planos e atende à enorme demanda de locais como propriedades rurais isoladas, cidades e povoados que não contam com energia elétrica, regiões semiáridas ou desérticas. Segundo ele, no Nordeste, por exemplo, a incidência solar é acima da média do país. Galpões e terrenos industriais também podem ser usados como possibilidade de autogeração para grandes indústrias.

 

Outra vantagem do equipamento é o seu sistema de resfriamento que permite às placas solares trabalharem em temperaturas próximas às do ambiente, condição ideal para que funcionem no máximo de sua eficiência. O equipamento conta ainda com um mecanismo de posicionamento manual para garantir um melhor aproveitamento dos raios solares ao longo do ano.

 

Hugo Santos pretende investir o prêmio de R$ 10 mil na evolução do protótipo e inserir o produto no mercado, já que há empresas interessadas.  A tendência é que ele já possa ser comercializado a partir de 2015.

 

 O mestrando recebe o cheque de R$ 10 mil durante cerimôinia de premiação - crédito: divulgação</STRONG><STRONG> 
O mestrando recebe o cheque de R$ 10 mil durante cerimôinia de premiação - crédito: divulgação 

 

 

Sobre o Prêmio:

 

O Prêmio, de abrangência nacional, é promovido pelos realizadores da EletroMetalCon – Feira Eletromecânica e Construção Civil -, que são o Senai-Londrina; Sindimetal-Londrina e Sinduscon-Norte/PR, em parceria com a CAIXA. Idealizado pelo Sindimetal, o Prêmio CAIXA é dirigido a graduandos e pós-graduandos de universidades, centros universitários, faculdades do Brasil, e tem o objetivo de aproximar as empresas com a academia e incentivar o empreendedorismo em projetos que venham a contribuir para o desenvolvimento econômico, social e tecnológico das indústrias de Londrina e região.

 

O Prêmio CAIXA de Inovação bateu recorde de inscrições em 2014, com o triplo de projetos inscritos se comparados a 2013. A comissão julgadora avaliou 35 projetos na 6ª edição do Prêmio de sete estados: São Paulo; Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Amazonas, Distrito Federal (GO) e Paraná. Em 2012 foram inscritos 12 projetos. Os três selecionados foram julgados por uma comissão de 30 empresários, durante a 10ª edição da EletroMetalCon.

 

Mais informações sobre a premiação podem ser encontradas em: http://eletrometalcon.com.br/puc-rio-leva-o-primeiro-lugar-no-6o-premio-caixa/

 

Fonte: Approach/Assessoria de Comunicação do CTC

 

Por Renata Ratton

Assessoria de Comunicação

Vice-Reitoria Acadêmica

 

 

Publicada em: 18/07/2014

 
Imprimir esta página
 
Busca:
Voltar

Powered by Publique!