Prêmios, Projetos e Destaques Acadêmicos

Imagem de uma das entradas da PUC-RIO pela Rua Marquês de São Vicebte
Voltar
 


Seção: Prêmios  

Lúcia Pedrosa-Pádua, da Teologia, recebe o "Prêmio Internacional Teresa de Jesus"


Trabalho concorreu com mais de 40 estudos procedentes de nove países

 

Como reconhecimento da qualidade da pesquisa que resultou no trabalho Santa Teresa de Jesus: contribuições ao diálogo inter-religioso e interfaces com o hinduísmo moderno, através da Yoga de Swami Sri Yukteswar e de Paramahansa Yogananda, a professora Lúcia Pedrosa-Pádua, do Departamento de Teologia, recebeu o Prêmio Internacional Teresa de Jesus e o Diálogo Inter-religioso, conferido pelo Centro Internacional de Estudos Teresiano-Sanjuanistas - CITeS - e pela Universidad de la Mística e Fundación CITeS, Espanha.

Através do prêmio, os organizadores objetivaram incentivar os estudos inter-religiosos contribuindo para uma cultura de paz e convivência entre os povos. O júri, composto por membros da Fundação CITeS, assim como por especialistas espanhóis e estrangeiros no diálogo inter-religioso, ressaltou a grande qualidade dos ensaios apresentados.

- De fato, a escolha não foi fácil. Apresentaram-se mais de 40 trabalhos procedentes de nove países: Espanha, Portugal, Itália, Romênia, Alemanha, Eslováquia, Argentina, México e Brasil. Alguns trabalhos relacionavam a figura e o pensamento de Santa Teresa com as grandes tradições religiosas: judaísmo, islamismo, hinduísmo, budismo; outros, com a espiritualidade ortodoxa, esclarece Lúcia.

 
 Conferência da professora Lúcia na noite da premiação - crédito: divulgação</STRONG><STRONG> 
 Conferência da professora Lúcia na noite da premiação - crédito: divulgação 

Há mais de vinte anos, a professora se dedica aos estudos da vida e obra de Teresa de Ávila, Doutora da Igreja, com diversas publicações. Acaba, inclusive, de lançar mais um livro, intitulado Santa Teresa de Jesus; mística e humanização, pelas Edições Paulinas.

A entrega dos prêmios se deu no dia 26 de setembro, no marco do Congresso Mundial Santa Teresa, Patrimônio da Humanidade, celebrado em Ávila, Espanha. Segundo Lúcia, a data coincide com a véspera do dia da proclamação de Santa Teresa como Doutora da Igreja pelo Papa Paulo VI.

Durante a cerimônia, a professora Lúcia Pedrosa recebeu uma escultura original de Emilio Sánchez e proferiu uma conferência sobre o trabalho realizado.

 

Sobre a professora Lúcia Pedrosa-Pádua:

Doutorou-se em teologia na PUC-Rio, graduou-se pela Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Belo Horizonte) e em economia pela Universidade Federal de Minas Gerais. Além de docente em tempo contínuo na PUC-Rio, onde atualmente coordena a Graduação em Teologia, dedica-se à formação humana e cristã através do trabalho comunitário-pastoral e do Ataendi-Centro de Espiritualidade da Instituição Teresiana no Brasil.

 

Por Renata Ratton

Assessoria de Comunicação

Vice-Reitoria Acadêmica

Publicada em: 05/10/2015

 
Imprimir esta página
 
Busca:
Voltar

Powered by Publique!